Sentado ao painel de comando do B737-800, pronto para taxiar e, depois, voar. Imagem: FSX.

No alto para ver o mundo de longe

Além de serem máquinas maravilhosas pelo que podem fazer, voar, os aviões me permitem ver o panorama e a Terra do alto – a mesma sensação que tenho na filosofia, ou ao observar ao telescópio um mundo distante.

Gnomos, em meio ao seu mundo imaginário, mas existente, se podemos pensar sobre eles. Ilustração por Meno Mühlig [Public domain], via Wikimedia Commons

Elementais da natureza

Se as crianças sabem que existem Papai Noel, fadas, pós mágicos, animais que falam e seres imaginários poderosos, acho que devemos falar para elas sobre os elementais da natureza: as ondinas, as salamandras, os silfos e os gnomos.

Quando a gente  vai cair no sono mergulha em um estado de torpor em que percebe imagens que se formam na mente, que podem ser associadas a vozes às vezes incompreensíveis. Imagem por Stephen Silver (Open Clip Art Library) [CC0], via Wikimedia Commons

Imagens e vozes mentais

Nos meus estudos o que acontece ao cair no sono, percebi imagens e vozes que não são captadas pelos sentidos físicos, no estado hipnogógico, seja ao dormir ou ao despertar. São percebidas durante uma espécie de transe, do qual posso sair facilmente.

Esquema da mente de um ser que pensa, segundo o autor. O pequeno círculo simboliza o subconsciente. Ilustração por Vuelaentumente (Trabalho próprio pelo carregador) [GFDL (http://www.gnu.org/copyleft/fdl.html) undefined CC BY-SA 4.0-3.0-2.5-2.0-1.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0-3.0-2.5-2.0-1.0)], undefined

Explorando o cair no sono

A primeira providência que tomei, após compreender que havia diferentes níveis de consciência, e que podia explorar esse ambiente durante o cair no sono, foi comandar a mim mesmo que manteria a mente em alerta.